Você tem perfil pra ser brand manager?

Como vi que há um interesse nesse meu mundinho, resolvi criar um post aqui para você que tem vontade de se aprofundar no assunto, e quem sabe perseguir o sonho de ser um Brand Manager.

Se o título te chamou a atenção e você ainda está lendo, já é um começo, porque na minha opinião, o primeiro passo é querer.

checklist

Agora vamos descobrir se você tem o que é necessário para este cargo:

Você consegue identificar rapidamente as tendências do mercado?

É de extrema importância que a pessoa que queira trabalhar como supervisor de marcas consiga identificar as mudanças que ocorrem no comportamento de quem consome os produtos do segmento de interesse, seja ele perfumaria e cosméticos (como no meu caso), moda e acessórios, tecnologia, etc. Isso vai te ajudar a compreender o que o mercado vai aceitar ou rejeitar, diminuindo as margens de erro em eventuais planos de negócios, que podem gerar verdadeiras dores de cabeça no futuro.

Você é curioso e não tem preguiça de estudar (e ensinar)?

Não basta você saber somente o suficiente sobre cada produto, saiba que os detalhes fazem a diferença. Assim que este é um trabalho que vai exigir um domínio total sobre o produto. Seja conhecimento técnico, conceitos, história… Você precisará conseguir passar toda informação para quem estará à frente das vendas e pro cliente. Saiba que seu sucesso vai depender de quanto as pessoas conseguem captar a essência do seu produto.

Sabe trabalhar em equipe?

Esse pra mim acho que é um dos pontos  mais importantes desta primeira lista que estou criando. E digo isso porque quando comecei como brand manager, eu enfrentei muitos problemas por ser menos empática. Com o tempo acabei percebendo que o meu trabalho só dá resultados a través das outras pessoas. Não tá conseguindo acompanhar meu raciocínio? Então pense assim, você analisou o mercado, tem certeza que um produto vai funcionar, montou um BP (business plan), fez todo o procedimento e a mercadoria chegou. Agora, cabe ao pessoal de vendas distribuir esse produto. Se não há uma sincronia no trabalho dos setores, todo o seu trabalho foi à toa. Você vai ter um problemão ($$$) e obviamente, no final, a culpa será sua por não ter se alinhado com o setor que fará todo o “trabalho pesado”.

Ainda interessado? Então siga o blog e fique por dentro das “noticias” =D

Lançamento Dirk Bikkembergs em Asunción

77a48fb8-29f8-4bd0-a637-13083cb481cb

Beatriz Maas, Luis Fabian Arana, eu, Dario Picardi

No dia 30 de Junho rolou o lançamento nacional da Dirk Bikkembergs em Asunción. O evento contou com a Leryn Franco (atleta olímpica, modelo, apresentadora e uma fofa) como mestre de cerimônias, Juju Barbosa como atração da noite e visitas ilustres como Dario Picardi (diretor das Américas da Perfume Holding) e Luis Fabian Arana (diretor da América do Sul da Perfume Holding), Sol Cartes, Carlitos Ortellado e mais uma galera da alta sociedade de Asunción.

O meu figurino foi feito pelo meu DIVO Gio Soprani especialmente pro evento

Na minha mala #BEDO

E finalmente chegou o dia! Hoje é o primeiro dia de TFWA em Cannes (Tax Free Wolrd Association). Vou ficar por aqui até o dia 8 e depois passo 2 dias em Paris. Vou estar postando direto coisinhas no instagram então me acompanhem por lá!

De resto, vejam o que estou carregando comigo pra esta viagem.

Como será uma viagem de trabalho, decidi otimizar as coisas que vou usar, então não vão encontrar muita futilidade. Resumi meus calçados a 5 pares, uma sapatilha preta e uma nude, uma scarpin básica, um meeeega sapato lindo pra noite s2 e meu tênis (porque pretendo achar tempo pra fazer uns exercícios).

De roupa, trouxe um vestido tubinho preto da Zara que é um coringa total (que por sinal comprei em Cannes na última viagem), um macaquinho também da Zara, uma saia lápis, 2 saias da coleção Karl Lagerfeld para Riachuelo, pantalona, camisas, blazer preto, uma calça flare preta, algumas blusinhas mais formais, um moletom da Coca-Cola que adoro, 2 leggings pra malhar e umas 6 camisetas (que já servem pra malhar ou de pijama). Como terei uma gala, trouxe um vestido custom made Gio Soprani.

Meu checklist de acessórios: Meu óculos querido da Ralph Lauren e Courrèges, brincos e colar divo Leticia Sarabia. Estou levando 1 bolsa graaande pra carregar todas as coisas da feira e 2 clutches que vão ver mais tarde no insta.

Agora, a lista de cosméticos vai ser um pouco mais extensa. Pela praticidade, decidi levar um kit de miniaturas travel size da Baylis & Harding (já vem com shampoo, condicionador, sabonete líquido e hidratante). Pro rosto estou levando meu sabonete e tônico Clinique, hidratante e area de olhos Biotherm.

Como ainda estou firme e forte no desafio do Pan that Pallete, vou levar a minha paleta de sombras da Coastal Scents, vários batons líquidos da Lime Crime, minha base Dior, pó, blush e rímel da Hot Makeup, bronzer e delineador da Makeup Factory. Na verdade, tirando a base, esses são so produtos que me acompanham todos os dias na necessaire.

E finalmente os perfumes! Como estarei fora por muito tempo (vou pra feira de manhã e só volto depois do jantar) decidi levar o meu novo favorito de loooooooooonga duração, o Hyperbole da Courrèges. O perfume foi apresentado no treinamento que tivemos semana passada e é sensacional. O perfume é um oriental totalmente sem flores.

Como da última vez a minha bagagem se perdeu, decidi levar a roupa que vou usar amanhã na minha bagagem de mão.

Agora, estou cruzando o dedo pra não ter esquecido de nada. Ah! Não esqueçam de me seguir no insta pra acompanhar a viagem.

Bjuuuuuus!

Este post é parte do desafio #BEDO (Blog Every Day October) do QG dos Blogueiros.

Brand manager – o que é isso?

workaholic.jpg

Quem me conhece sabe o quanto eu gosto do que faço. Estar a frente de tudo neste mundo de perfumes e cosméticos, viajar a trabalho, conhecer diferentes lugares e pessoas, ter novas experiencias… Amo meu trabalho de brand manager. Mas afinal, o que é um brand manager?

Brand manager ou supervisor de marcas

Um brand manager ou supervisor de marca nada mais é do que alguem que administra uma marca pra uma determinada região. O processo do trabalho inclui:

  • Estudo prévio do mercado – isso é feito para saber se há demanda para o produto em questão
  • Compras
  • Estratégia de MKT – na maioria dos casos, antes de fechar com qualquer marca, um calendário de MKT é montado para organizar o que será feito para divulgar a marca em território nacional (ao menos no meu caso, já que as arcas que trabalho são para distribuição nacional)
  • Capacitação – repassar todo treinamento necessário para a equipe que vai trabalhar com a marca
  • Distribuição
  • Reporte mensal – é uma espécie de feedback enviado para a marca, com os números atingidos e algumas observações sobre o mercado.

Nesses 5 anos que trabalho com supervisão de marcas de perfumes e cosméticos (até porque existem brand managers de diversas outras áreas), já trabalhei com as seguintes marcas:

  • Bentley
  • Boucheron
  • Bourjois
  • Cartier
  • Courreges
  • Foamous
  • Lalique
  • Love Love
  • Makeup Factory
  • Payot
  • Philippe Charriol
  • Repetto
  • Salvador Dali

Posso falar que amei trabalhar com cada uma dessas marcas, e cada uma me adicionou algum aprendizado. Cada um tem seu público, sua peculiaridade, sua essência e sua forma de trabalhar.

Se você tem vontade de entrar na área, siga o blog e fique por dentro das dicas de como você também pode entrar nesse mercado de trabalho maravilhoso.