Farmando Cílios

 

par-de-cilios-preto-para-parede-kids

Com a idade, veio a maturidade, e comecei a me aceitar um pouco melhor, me conformando melhorar o que sou ou o que tenho, mas não mudar. Da série de coisas que não tenho, posso citar: queixo, bunda, sobrancelha e cílios.

Pro queixo fiz preenchimento (se você ainda não viu, clicka aqui), a sobrancelha eu resolvi com uma micropigmentação, a bunda vai ter que ser na academia mesmo porque não gosto do efeito de prótese, mas já os cílioooss… coisinha chata mais linda que faz toda a diferença no olhar.

Existem vários produtos no mercado que prometem promover o crescimento dos cílios, entre eles o Infinite Lashes da Christian Breton. Esse produto é um serum que vem em forma de delineador que você aplica na raiz dos cílios e ele ajuda a fazer eles crescerem.  Também temos o tratamento da Talika, que age mais ou menos da mesma forma. O platinum vem com um serum pra usar a noite e um “rímel” de dia.  Testei ambos e deram um bom resultado. O problema é que além de ter pouquíssimos cílios, os meus são finos e curtos (que boa combinação né #ironymode), então por mais que crescessem, eu ainda não estava satisfeita com o resultado.

Eis que decidi fazer alongamento dos cílios. É um processo bem demorado (+- 2 horas) onde a profissional cola os cílios 1 por 1, podendo ser mais cheio ou com efeito natural. O procedimento é caro, custando entre 300 a 500R$. A manutenção deve ser feita a cada 15 dias, porém gosto de fazer a cada 10 dias pra diminuir falhas, o bom é que geralmente custam bem menos do que a primeira colocação.

alongamento-de-cilios-e1478043523257

A primeira vez que eu coloquei, foi em Londres, no meio de uma feira de estética. Foi péssimo porque não me falaram que não deveria molhar as extensões em no mínimo 12 horas então os cílios começaram a cair já no primeiro dia.

Depois disso decidi que deveria sempre ficar com os cilios em dia, assim, não preciso me maquiar todo dia pra disfarçar a cara de sono 😀

Em Foz eu fazia com a Tania Zaganin e agora que estou morando no Paraguai, faço com a Adriana Enciso.

Ah, esqueci de falar que detesto profundamente usar cílios postiços, daqueles que realmente parecem postiços. Além de ser super incômodos, eles não parecem naturais.